domingo, 6 de julho de 2008

For me, gás!

A última das formigas sentou-se no meio fio, balançando as quatro pernas desolada. Olhou para as mesas e os escritores que a tudo relatavam. "Oh", perguntou-se, "quem será que se importa com as formigas? Alguém escreverá sobre nossas figiras, ou todos farão contos figurados? Oh, vida, oh, dor...". Derramou lágrimas de seus duzentos pequenos olhos, enquanto Elvis se despedia e a nava fechava as portas.

Daí o tamanduá encontrou-a e aspirou-a. E foi o fim do neoliberalismo no mundo. Das formigas.

9 comentários:

Fábio Ricardo disse...

cara, tu nao achou realmente que isso ia dar certo duas rodadas seguidas, né?
muito ruim!
hahahahaha

Félix B. Rosumek disse...

não achei mesmo!

esse é o cúmulo do "é domingo, estou morto de sono, acabado de ressaca, e... putz, tem que escrever algo pro duelo!"

eu escrevi uma página de um conto deverdade, mas não deu para prosseguir... :P

Medéia disse...

AHAHAHAHAH
Muito sinistro!
Mas eu entendo esta história de "é domingo, estou morto de sono, acabado de ressaca, e... putz, tem que escrever algo pro duelo!"
Gostei mais do segundo parágrafo!

Viviane Bastos disse...

Estou adorando os comentários...
Tenho, há um bom tempo, acompanhado, o trabalho de Duelista, e você, Félix, sempre me pareceu o mais ousado. Daquele que descontrói o tema mesma. Mas, esse texto foi de um atrevimento...rsrs
E não é que, da terceira lida, comecei a gostar?...rs

Abraços

Viviane Bastos disse...

Enviar o texto sem revisão dá nisso...

"Daqueles que descontrói o tema mesmo."

Viviane Bastos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cris Costa disse...

Félix...você estava totalmente "inspirado" ao redigir o texto, e pode ter certeza que todos que lerem seu texto acreditarão que foi escrito num típico domingo de ressaca.
Fiquei imaginando a pobre formiguinha sentadinha pensando: "quem será que se importa com as formigas? Alguém escreverá sobre nossas figiras, ou todos farão contos figurados? Oh, vida, oh, dor...".
Contudo seu texto ficou hilário!!!

Bjs

Rodrigo Oliveira disse...

Porra, Félix!

Félix B. Rosumek disse...

pelo menos estou novamente ganhando o prêmio B, maior número de comentários! (obviamente, só porque eu mesmo comento nos meus textos)

alguém percebeu que este texto foi uma sequência de "escalafobécia"? bah, o cara faz altas interações entre seus contos, constrói uma mitologia complexa perpassando histórias, e não recebe o devido reconhecimento... :P